A história dos confrontos entre o Brasil e o México

autor Misto Brasília

Postado em 02/07/2018 07:35:34 - 07:24:00


jogadors brasileiros tem um grande desafio hoje nas oitavas de final/Divulgação/Fifa

Partida desta segunda-feira será o primeiro duelo numa fase eliminatória em Copas do Mundo

Brasil e México duelam em Samara pelas oitavas de final da Copa do Mundo de 2018 em busca de sonhos diferentes. Enquanto a seleção brasileira quer manter viva sua obsessiva missão pela sexta estrela, os mexicanos sonham quebrar o tabu chamado no país de "La Quinta" – alcançar um quinto jogo num Mundial. Historicamente, o Brasil é soberano em Copas, mas freguês em decisões.

Este será o quinto duelo entre brasileiros e mexicanos em Mundiais – apenas com a Suécia, com sete partidas, o embate ocorreu mais vezes. E o domínio brasileiro é absoluto: são três vitórias e um empate, além de nenhum gol sofrido – 4 a 0, em 1950; 5 a 0, em 1954; 2 a 0, em 1962; e 0 a 0, em 2014.

Curiosamente, a partida desta segunda-feira (02) será o primeiro duelo numa fase eliminatória em Copas do Mundo. E também marcará o reencontro de vários jogadores que estavam presentes no empate sem gols, em Fortaleza, há quatro anos.

Do elenco brasileiro de 2014 estão na Rússia ainda Thiago Silva, Marcelo, Paulinho, Fernandinho, Willian e Neymar. Do lado mexicano seguem 15 atletas, incluindo o goleiro Guillermo Ochoa, que parou o ataque brasileiro, em 2014, e o alemão, na estreia em 2018.

Se o Brasil é dominante em Copas, o retrospecto recente favorece o México. Neste século houve 14 partidas entre os dois países, com seis vitórias do El Tri, cinco da Seleção e três empates.

Em competições, o Brasil levou a melhor apenas na Copa América de 2004 e na Copa das Confederações de 2013 – em ambos os torneios, sagrou-se campeão. O México derrotou a seleção brasileira nas Copas Américas de 2001 e 2007, na Copa das Confederações de 2005 e por duas vezes na Copa Ouro de 2003, incluindo a decisão.

E por falar em decisões, o México venceu todas as quatro contra o Brasil – uma em Jogos Olímpicos e três em torneios que envolveram as seleções principais, embora o Brasil tenha utilizado equipes Sub-23 nas duas Copas Ouro da Concacaf. Os resultados: 2 a 0, na Copa Ouro de 1996; 4 a 3, na Copa das Confederações de 1999; 1 a 0, na Copa Ouro de 2003 e 2 a 1, na final dos Jogos Olímpicos de 2012. (Da DW)


General nega que Michele Bolsonaro mandou tirar obras sacras do Alvorada
Incêndio atinge a Refinaria de Manguinhos (RJ)
veja +
Governador eleito do DF Ibaneis Rocha diz que não tem nenhum tipo de surpresa
Congresso deve votar Orçamento de 2019 nesta semana
Aprovado orçamento de 2019 com reajuste para agentes comunitários
veja +