Moraes, como Fachin, nega liberdade a Lula da Silva

autor Misto Brasília

Postado em 29/06/2018 19:06:01 - 19:04:00


Ex-presidente Lula da Silva esta preso desde abril cumprindo pena de 12 anos/Arquivo

Ministro do Supremo Tribunal considerou que tem amparo legal a decisão do colega da Corte

 

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou pedido apresentado pela defesa do ex-presidente Lula da Silva para libertar o petista, que está detido desde abril cumprindo pena após condenação no processo do tríplex do Guarujá (SP), informou a Reuters.

Em decisão tomada nesta sexta-feira, Moraes também considerou que tem amparo legal a decisão do ministro Edson Fachin, que enviou outro recurso dos advogados do ex-presidente ao plenário do Supremo. Em sua decisão, Moraes disse que “não assiste razão a nenhuma das pretensões da defesa”.

A defesa do petista entrou com uma ação —chamada de reclamação— para tentar impedir a execução provisória da pena do petista e ainda contestar a decisão de Fachin que remeteu um recurso da defesa ao plenário em vez de ir para a 2ª Turma do STF.

Os advogados do ex-presidente queriam também que a reclamação fosse redistribuída entre um dos ministros da 2ª Turma, exceto Fachin —que tinha rejeitado por duas vezes esse pedido da defesa. Moraes é integrante da 1ª Turma.

 


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +