Supremo confirma condenação de senador a quatro anos

autor Misto Brasília

Postado em 20/06/2018 14:55:14 - 14:52:00


Senador Ivo Cassol foi condenado por crime cometido entre 1998 e 2002/Arquivo

A pena de Ivo Cassol, de Rondônia, foi convertida em prestação de serviço e multa de R$ 201 mil

O senador Ivo Cassol (Progressista-RO) terá que cumprir imediatamente uma pena de quatro anos convertida em prestação de serviço. Foi o que determinou hoje em sessão extraordinária o plenário do Supremo Tribunal Federal, que determinou a certificação do trânsito em julgado para início do cumprimento de pena, independentemente da publicação do acórdão.

O Misto Brasília transmitiu ao vivo a sessão do STF

O senador terá que pagar uma multa de R$ 201 mil pela prática de crime de fraude a licitações ocorridas quando foi prefeito de Rolim de Moura (RO) entre 1998 e 2002.

De acordo com informações da assessoria do Supremo, a mesma determinação se aplica aos réus Salomão da Silveira e Erodi Matt, respectivamente, presidente e vice-presidente da comissão municipal de licitações à época. A proposta foi apresentada pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, que foi seguida pela maioria do Plenário, ficando vencidos os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Marco Aurélio.

Em nota, Ivo Cassol disse que recebeu “com altivez a decisão da Suprema Corte... Estou pronto para cumprir a decisão de cabeça erguida, como fiz e faço em toda aminha vida política”.


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +