Líder do MST é condenada por roubo de trator no DF

autor Misto Brasília

Postado em 11/06/2018 16:40:43 - 16:35:00


Bandeiras do MST que tem como meta a reforma agrária no Brasil/Arquivo

Caso aconteceu em 2016 em uma fazenda próximo a um acampamento ocupado pelo movimento em Brazlândia

A 1ª Turma Criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal manteve a condenação de Maria do Carmo Nascimento de Barros, acusada de receptar um trator roubado em uma fazenda de Brazlândia. A defesa alegou que não houve crime.

A líder do acampamento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) às margens da DF-220, foi condenada a um ano e cinco meses de reclusão, que deverá ser cumprida em regime aberto, além de multa.

Maria do Carmo foi acusada de receber um trator New Holland em maio de 2016 de uma fazenda de três homens do MST. De acordo com o Ministério Público do DF, o veículo foi levado para o interior do acampamento “Deus é nossa força I”, próximo ao local do roubo. Policiais civis e militares estiveram ao acampamento, onde localizaram e apreenderam as chaves do veículo com Maria do Carmo.


AO VIVO TV Euronews
PM reprime tentativa de invasão do Ministério da Educação
veja +
Ibaneis disse que ficou triste com investigações contra médicos de hospital
Projeto reforça garantia de liberdade de expressão em escolas e universidades
Telefônicas podem ser obrigadas a atender todos os distritos em quatro anos
veja +