Número de homicídios no Brasil é maior que toda a Europa

autor Misto Brasília

Postado em 05/06/2018 16:24:40 - 16:16:00


Estados mais violentos estão no Nordeste e começa pelo Sergipe/Arquivo/Reprodução

Tragédia urbana é 30 vezes maior do que é observado no Velho Mundo, segundo levantamento do Ipea

 

A violência urbana virou uma epidemia de proporções planetária. Nunca se matou tanto como nesta época do século 21 no Brasil. Somente em 2016, foram 62.517 homicídios, o que representa 30,3 assassinatos por 100 mil habitantes, número 30 vezes maior do que o observado na Europa naquele ano, segundo o levantamento produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Os assassinatos não ocorreram de maneira homogênea pelo país, com Estados das regiões Norte e Nordeste aparecendo na frente com as maiores taxas de homicídios por 100 mil habitantes. Em 2016, 71,5% das vítimas de assassinato eram pretas ou pardas e a taxa de homicídios de negros foi de 40,2%, frente a 16% de não negros.

Em primeiro lugar na lista aparece Sergipe, com 64,7, seguido por Alagoas com 54,2. São Paulo, por outro lado, tem a menor taxa de assassinatos, com 10,9. Já o Estado do Rio de Janeiro registrou 36,4 assassinatos por 100 mil habitantes.

“Esse índice crescente revela, além da naturalização do fenômeno, a premência de ações compromissadas e efetivas por parte das autoridades nos três níveis de governo: federal, estadual e municipal”, afirmam os pesquisadores no relatório.

 


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +