Depoimentos de Lula da Silva e do filho são mantidos

autor Misto Brasília

Postado em 14/05/2018 22:04:42 - 21:59:00


Lula da Silva continua preso na PF desde o dia 7 de abril passado/Arquivo

O ex-presidente e Luís Cláudio são réus em processo em irregularidades na compra caças

A Justiça Federal de Brasília negou pedido das defesas do ex-presidente Lula da Silva e de um dos filhos dele, Luís Cláudio Lula da Silva, para suspender o depoimento de ambos previsto para a próxima segunda-feira (21), às 9 horas, no âmbito da operação Zelotes.

Lula, o filho e outros acusados são réus em processo por suspeita de irregularidades na compra do governo brasileiro dos caças suecos, sob investigação da operação Zelotes. O ex-presidente está preso desde 7 de abril, cumprindo pena no processo a que foi condenado no caso do tríplex do Guarujá (SP).

Na decisão, o juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal do Distrito Federal, afirmou que não há motivos para se suspender o depoimento. O magistrado citou o fato de que a data dos interrogatórios é distante 7 meses do envio da última carta rogatória - pedido para ouvir testemunhas fora do país.

“Nenhuma das autoridades para as quais foram endereçadas as cartas rogatórias (Suécia, França e Reino Unido) submeteu a este Juízo pedido de prorrogação do prazo fixado. Constando dos autos, tão somente, pedidos pontuais de informações/esclarecimentos das autoridades da Suécia e da França já satisfatoriamente respondidos/esclarecidos”, disse.


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +