Banco Itaú condenado por falhas no serviço “bankline”

autor Misto Brasília

Postado em 27/03/2018 18:22:44 - 18:15:00


Agência do Banco Itaú, que foi condenado por dano moral em Brasília/Arquivo/Divulgação

Instituição apresentou um cheque um mês antes da data prevista e, por isso, vai pagar por dano moral

O Banco Itaú foi condenado a pagar R$ 2 mil por dano moral a um correntista que confiou um cheque pós-datado no serviço “custódia bankline”. O valor foi apresentado antes da data prevista. A falha causou embaraço ao cliente, porque foi depositado um mês antes da data do vencimento.

A decisão é do 2º Juizado Especial Cível de Brasília, porque o Itaú deixou de comprovar “a existência de fato extintivo, impeditivo ou modificativo do direito reclamado”. Segundo a sentença, ao promover a compensação de cheque antes da data de seu vencimento, a ré descumpriu o contrato de custódia e prestou serviço incompatível com a segurança que se esperava.

 

 


Orquestra de Brasília e o Coral 10 interpretam Cio da Terra
Governador do Pará diz que contas dos estados passarão por pente-fino
veja +
Proposta reserva vagas de instituições de ensino para pessoas com deficiência
Câmara analisa propostas para deduzir do IR despesas com remédios, óculos e próteses
Ibaneis disse que vai "colaborar" para a aprovação da reforma previdenciária
veja +