Filme romeno leva o Urso de Ouro de Berlim

autor Misto Brasília

Postado em 25/02/2018 09:25:23 - 09:20:00


Cenas de Touch Me Not, filme que levou o principal prêmio em Berlim/Arquivo/Divulgação

Produção de paraguaio Marcelo Martinessi acumulou o Urso de Prata para melhor atriz

O Urso de Ouro de Berlim 2018 foi para um dos melhores filmes que o festival mostrou este ano. Touch Me Not, primeira longa da romena Adina Pintilie, sai da 68ª edição da Berlinale com o prémio máximo do júri e com o prêmio da Melhor Primeira Obra, informa o Público.

Os seus dois galardões empatam Touch Me Not com Las Herederas, primeira longa do paraguaio Marcelo Martinessi, que acumulou o Urso de Prata para Melhor Atriz (Ana Brun) e o prémio Alfred H. Bauer para “filme que abre novas portas ao cinema”.

O melhor documentário foi The Waldheim Waltz, da austríaca Ruth Beckermann (Forum), que usa exclusivamente imagens de arquivo para meditar sobre a revelação em 1986 do passado nazi do antigo chanceler austríaco Kurt Waldheim e a sua defesa de um populismo demagógico e xenófobo.

Nas curtas-metragens, o júri premiou o documentário The Men Behind the Wall, onde a israelita Ines Moldavsky usa a aplicação de encontros Tinder para se encontrar com palestinianos do “outro lado do muro” da Margem Ocidental. (Do Público)


Orquestra de Brasília e o Coral 10 interpretam Cio da Terra
Governador do Pará diz que contas dos estados passarão por pente-fino
veja +
Proposta reserva vagas de instituições de ensino para pessoas com deficiência
Câmara analisa propostas para deduzir do IR despesas com remédios, óculos e próteses
Ibaneis disse que vai "colaborar" para a aprovação da reforma previdenciária
veja +