Anamatra diz que imprensa distorce auxílio-moradia

autor Misto Brasília

Postado em 13/02/2018 11:03:10 - 10:56:00


Estátua de Themis, deusa da Justiça na mitologia grega, em frente ao Supremo em Brasília/Divulgação

Associação, que reúne magistrados da Justiça do Trabalho, critica execração pública de magistrados

A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) divulgou nota de repúdio ao "uso abusivo e distorcido" pela imprensa das informações financeiras disponibilizadas nos portais de transparência sobre pagamentos feitos a magistrados em 2017.

Os pagamentos de verbas indenizatórias englobam a ajuda de custo para moradia, que, segundo a entidade, estão previstas em lei. O documento lembra ainda que a complexa questão dos direitos e vantagens da magistratura será enfrentada em breve pelo Supremo Tribunal Federal (STF), não havendo, no âmbito da União, o pagamento de quaisquer benefícios que não tenham previsão na Lei Orgânica da Magistratura Nacional (LC 35/1979) ou em lei federal competente.

O texto traz que "críticas públicas a tais vantagens, ainda quando equivocadas, são legítimas e naturais em ambiente democrático", mas considera "inadmissível que isso se faça ao enxovalho de toda uma carreira nacional, expondo publicamente à execração pública centenas de juízes de todo o País".


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +