Placar é de 1 a 1 entre Gilmar Mendes e Paulo Henrique Amorim

autor Misto Brasília

Postado em 08/02/2018 20:25:36 - 20:14:00


Paulo Henrique e Gilmar Mendes travam uma batalha na justiça/Arquivo/Fotomontagem

Ministro ganhou ação contra o jornalista que tinha vencido em outra ação proposta por Gilmar

O jornalista Paulo Henrique Amorim, e sua empresa, PHA Comunicação e Serviços SS Ltda, foram condenados, em segundo Instância, a indenizar o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, em R$ 40 mil. A sentença da 2a Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal confirmou parcialmente uma decisão da 8ª Vara Cível de Brasília. Em junho de 2014,  Amorim publicou em seu blog uma montagem do ministro em trajes do exército nazista. 

Os desembargadores apenas negaram a publicação da sentença no mesmo blog em que as matérias foram publicadas, como pedia Gilmar Mendes. O ministro ajuizou ação na qual argumentou que no "Conversa Afiada" haviam publicações assinadas pelo jornalista, com conteúdo ofensivo à sua honra, motivo pelo qual requereu a retirada das postagens, bem como indenização pelos danos morais causados à sua imagem.

Em outra ação, em dezembro do ano passado, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF) negou indenização de R$ 50 mil solicitada por Gilmar Mendes contra Paulo Henrique Amorim por uma publicação de maio de 2016, no mesmo blog.


Orquestra de Brasília e o Coral 10 interpretam Cio da Terra
Governador do Pará diz que contas dos estados passarão por pente-fino
veja +
Proposta reserva vagas de instituições de ensino para pessoas com deficiência
Câmara analisa propostas para deduzir do IR despesas com remédios, óculos e próteses
Ibaneis disse que vai "colaborar" para a aprovação da reforma previdenciária
veja +