A última busca aos SS da Polônia nazista

autor Misto Brasília

Postado em 01/02/2018 13:46:57 - 13:39:00


Campo de concentração de Auschwitz, o mais conhecido na Polônia da Segunda Guerra Mundial/Reprodução

Objetivo é localizar 1.500 funcionários nazistas que cometeram crimes em campos de concentração

Promotores poloneses estão diante de uma tarefa ambiciosa: encontrar membros ainda vivos da SS (organização paramilitar do Partido Nazista), que cometeram crimes em campos de concentração nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, e levá-los a julgamento.

"Temos de finalmente lidar de forma ampla com os assassinatos em massa nos campos de concentração alemães. Localizar os criminosos e levá-los a julgamento é dever de um promotor. Queremos saber se ainda é possível encontrar os criminosos nazistas", diz o promotor Robert Janicki, do Instituto da Memória Nacional (IPN).

O instituto, fundado em 1999, ocupa-se cientifica e juridicamente da história da Polônia sob as ocupações alemã e soviética e já iniciou centenas de inquéritos sobre os crimes nazistas.

Eles investigam sobretudo execuções em massa e ações de limpeza étnica em vilarejos poloneses durante a ocupação alemã (1939 até 1945) e crimes contra a população civil durante o levante de Varsóvia (1944). Há investigações oficiais e também alguns casos em que parentes de vítimas apresentaram queixas individuais. (Da DW)


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Pré-sal, royalties, precatórios e Jovem Senador são destaques do Plenário
Kajuru vai propor medidas para investigar a CBF
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
veja +