STJ atende AGU e Cristiane toma posse no Trabalho

autor Misto Brasília

Postado em 20/01/2018 15:52:32 - 15:49:00


Posse de Crisitiane Brasil será nesta segunda-feira, às 9 horas, com o pai emocionado/Arquivo

Ministro entendeu que, mesmo condenada pela Justiça do Trabalho, tem direito a comandar a pasta

O vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins acolheu pedido da Advogacia Geral da União (AGU) e deu sinal verde para a posse da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) para tomar posse no cargo de ministra do Trabalho, neste sábado (20).

O deputado Aguinaldo Ribeiro (PTB-PP-PB) comenta consequências do resultado do STJ na Seção Áudio 

A cerimônia ocorrerá no Palácio do Planalto nesta segunda-feira (22), às 9 horas. O presidente Michel Temer deverá empossar Cristiane e na mesma segunda viajará para Suíça, onde participará do Fórum Econômico Mundial. Cristiane foi condenada pela Justiça do Trabalho a pagar mais de R$ 60 mil a um ex-motorista, por conta de diversas irregularidades trabalhistas.

O processo de posse de Cristiane foi tumultuado. Em primeira instância, a posse foi suspensa pelo juiz Leonardo da Costa Couceiro da 4ª Vara Federal de Nítério-RJ. Após seis recursos impetrados na Justiça do Rio de Janeiro e no STJ, ocorrerá a posse da deputatada, filha do presidente do PTB, Roberto Jefferson. Pelo menos 16 votos são do PTB na Câmara, número significativo para justificar o empenho de Temer em agradar o maior líder do PTB, de olho na votação da reforma da Previdência.

Para o ministro do STJ, Humberto Martins, a condenação na Justiça do Trabalho "não equivale, em seus efeitos, à aplicação de uma sanção criminal ou por improbidade, já que não há qualquer previsão normativa de incompatibilidade de exercício de cargo ou função pública em decorrência de uma condenação trabalhista”.


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +