Marcelo Odebrecht pagou a própria tornozeleira eletrônica

autor Misto Brasília

Postado em 19/12/2017 13:35:24 - 13:32:00


Marcelo Odebrecht cumpre, a partir de hoje, prisão domiciliar/Arquivo

O empresário do grupo da Odebrecht está cumprindo desde hoje a prisão domiciliar em sua mansão

Marcelo Odebrecht, herdeiro de um dos maiores grupos empresariais do Brasil, seguiu há pouco para sua mansão, na zona Sul de São Paulo. Depois de ficar encarcerado por dois anos e meio, hoje cedo, colocou uma tornozeleira eletrônica (cerca de R$ 160) que ele mesmo pagou na justiça federal de Curitiba. Marcelo também pagará R$ 149 pelo aluguel mensal do equipamento.

Em sua casa, ele pode ser visitado por 15 pessoas, previamente, cadastradas e autorizadas pela justiça. Marcelo ficará preso por dez anos. O empresário terá que cumprir ainda cinco anos de pena.

Em 2022, ele poderá passar para o regime aberto, com recolhimento domiciliar apenas nos fins de semana e feriados, além de manter a prestação de serviços comunitários.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +