Pena do ex-senador Gim Argelo cai pela metade

autor Misto Brasília

Postado em 07/11/2017 11:04:24 - 10:58:00


Ex-senador Gim Argelo após ser preso pela Polícia Federal/Arquivo

Redução de 19 anos para 11 anos de reclusão foi decidida pelo TRF da quarta Região

O ex-deputado distrital e ex-senador pelo Distrito Federal, Gim Argelo, teve sua pena reduzida quase à metade pelo Tribunal regional Federal da 4ª. Região, com sede em Curitiba. Argelo foi condenado pelo juiz federal Sérgio Moro a 19 anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O TRF reduziu a pena para apenas 11 anos e 8 meses de reclusão. Argelo está preso no Complexo Médico Penal de Pinhais (PR) desde o ano passado. Ele pediu pagamento de propina a dirigentes de empreiteiras em troca de proteção, deixando de convocá-los para depoimento na CPI da Petrobras no Senado instalada em 2014.

Na mesma decisão, a segunda instância da justiça Federal reduziu também a pena do empreiteiro Léo Pinheiro, condenado por corrupção ativa e lavagem de dinheiro, conseguiu redução de oito anos e dois meses para 5 anos e meio. A mudança para Walmir Pinheiro Santana, ex-diretor da UTC, foi de nove anos e oito meses para seis anos e dois meses, informou o site de O Globo.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +