Deputada Faraj é acusada de improbidade administrativa

autor Misto Brasília

Postado em 17/10/2017 13:28:25 - 14:25:00


Foto - Misto Brasília

Distrital já responde já responde a processo pela mesma razão que se relaciona à empresa Netpub

A deputada distrital Sandra Faraj foi acusada de improbidade administrativa pelo Ministério Público do Distrito Federal. A deputada já responde a processo criminal pela mesma razão.

Na ação impetrada no último 11, mas divulgada hoje, a Promotoria de Defesa do Patrimônio pede a condenação da deputada ao pagamento de multa no valor R$ 426 mil, ao pagamento de indenização por danos morais ao Distrito Federal no valor de R$ 142 mil, à suspensão de direitos políticos por oito anos e à proibição de contratação com o poder público por cinco anos. Também foi pedido o bloqueio de bens de Sandra Faraj no valor de R$ 142 mil.

Segundo informou a assessoria do MP, o contrato no valor de R$ 174 mil, foi assinado entre a deputada e a Netpub em 2015. Os serviços foram prestados e as notas fiscais emitidas, mas a empresa não recebeu o valor acertado. 


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +