A matéria-prima da mídia é a violência

autor Misto Brasília

Postado em 24/08/2017 09:52:41 - 09:46:00


A violência virou um produto de consumo/Arquivo/PortalArcos

Tristeza nacional ao ver uma senhora de vestido longo pondo uma televisão no meio das pernas

Texto de Laudelino José Sardá

Ao ver o flagrante de dois jovens em uma moto atacando e roubando um cadeirante; ao se entristecer com a foto, publicada hoje na coluna Bom Dia, do Notícias do Dia, de dois estudantes roubando placas de sinalização de trânsito; ao reprovar uma senhora de vestido longo pondo uma televisão no meio das pernas e fugir da loja; ao se espantar com crianças, jovens, adultos e até mulher grávida saqueando a carga de um caminhão; ao ler que uma jovem grávida foi assassinada com 19 facadas; ao se assustar com o apavorante índice de estupros de mulheres e crianças...

...concluímos que a cultura predominante no Brasil é a do crime e que a matéria-prima da mídia tradicional é a violência. E uma pergunta inopinadamente fermenta nossas mentes: o Brasil, sempre privado da ética, mesmo no Império, conseguirá salvar-se do lamaçal de imoralidades e de impunidade, em que o Estado, alheio e corrupto, se resume ao Distrito Federal?


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +