Ministério Público pede a prisão do ex-ministro Geddel

autor Misto Brasília

Postado em 16/08/2017 15:58:54 - 15:57:00


Geddel foi denunciado hoje em duas ações pelo MPF/Arquivo

Duas ações deram entrada hoje na Justiça federal, uma delas criminal e outra por improbidade

O Ministério Público Federal (MPF) pediu hoje à justiça federal a condenação do ex-ministro Geddel Vieira Lima por obstrução da Justiça pela tentativa de impedir que o doleiro Lúcio Funaro firmasse acordo de colaboração premiada.

O MPF pede a reclusão de três a oito anos, além de multa. Na ação, os procuradores pedem ainda que a punição seja acrescida de um terço a dois sextos, considerando a prática continuada do crime, se repetiu ao longo de um ano. Entre julho de 2016 e julho de 2017.

Em outra ação, os procuradores querem que o ex-auxiliar de Michel Temer e Dilma Rousseff responda por improbidade administrativa por ter – na condição de ministro-chefe da Secretaria de Governo - pressionado o então ministro da Cultura Marcelo Calero Faria.

Geddel queria a liberação de um empreendimento imobiliário em Salvador, que havia sido embargado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Por causa do episódio Calero e Geddel deixaram o governo em novembro do ano passado.


Ibaneis bate boca com deputados distritais da oposição sobre escolas militares
AO VIVO TV Câmara Legislativa
veja +
Maia vai instalar nesta quarta comissão para discutir novas regras para o saneamento
Deputados cobram desbloqueio de recursos para a educação
Presidente da Cobap, Warley Gonçalves, sugere uso da máquina para reeleição
veja +