Sinpro-DF vai pagar R$ 20 mil a deputada distrital

autor Misto Brasília

Postado em 19/07/2017 22:16:19 - 22:14:00


Deputada Sandra alegou danos morais na ação contra o Sinpro/Arquivo

Sindicato dos Professores chamou Sandra Faraj de arrogante, autoritária e mal intencionada

O Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro/DF) foi condenado a pagar R$ 20 mil de indenização, a título de danos morais, para a deputada distrital Sandra Faraj Cavalcante. A sentença de 1ª Instância foi confirmada, em grau de recurso, pela 4ª Turma Cível do TJDFT.

A autora afirmou que o sindicato publicou em seu site na Internet palavras ofensivas à sua honra e imagem, chamando-a de: antidemocrática, arrogante, violenta, autoritária e mal-intencionada, além da imputação da prática do crime de opressão e repressão à liberdade de pensamento e opinião. Requereu sua condenação no dever de indenizar-lhe pelos danos morais sofridos e a retirada das ofensas da rede mundial de computadores, segundo informou a assessoria do TJDF.


Ibaneis bate boca com deputados distritais da oposição sobre escolas militares
AO VIVO TV Câmara Legislativa
veja +
Maia vai instalar nesta quarta comissão para discutir novas regras para o saneamento
Deputados cobram desbloqueio de recursos para a educação
Presidente da Cobap, Warley Gonçalves, sugere uso da máquina para reeleição
veja +