Morre o acadêmico Eduardo Portela, ex-ministro da Educação

autor Misto Brasília

Postado em 02/05/2017 17:37:56 - 17:33:00


Ex-ministro Eduardo Portella faleceu nesta terça-feira/Arquivo/Divulgação

Sua frase antológica é até hoje atual: Não sou ministrou, estou ministro''

Morreu o acadêmico Eduardo Portella, aos 84 anos. Ainda não foram divulgadas as causas da morte. Uma de suas frases famosas, usada até hoje por ministros de Estado, é “não sou ministro, estou ministro”.

Foi ministro de Estado da Educação, Cultura e Desportos no governo João Figueiredo (1979-1985), diretor Geral Adjunto da Unesco e presidente da Conferência Geral da Unesco.

Nascido em Salvador, ele era doutor em Letras, professor, escritor e crítico literário. Ocupou diferentes cargos públicos desde 1956, ano em que foi nomeado técnico de Educação do Ministério da Educação e Cultura. 

 


PM reprime tentativa de invasão do Ministério da Educação
Senador apresenta projeto que autoriza adolescentes a dirigir
veja +
Ibaneis disse que ficou triste com investigações contra médicos de hospital
Projeto reforça garantia de liberdade de expressão em escolas e universidades
Telefônicas podem ser obrigadas a atender todos os distritos em quatro anos
veja +