O conselho que ainda vale 44 anos depois

autor Misto Brasília

Postado em 09/04/2017 22:37:25 - 22:33:00


Padre Aleixo Susin organizou a primeira Via-sacra de Planaltina/Gabriel Jabur/Agência Brasília

Via-sacra de Planaltina completa neste ano quase meio século, mas sua mensagem ainda é muito atual

O padre Aleixo Susin, 89 anos, ainda se lembra da revelação que teve sobre a via-sacra de Planaltina há 44 anos. Ele conta que imaginou, no que caracteriza como um “sonho de dia”, três morros unidos que se enchiam de gente. “Pensei em como aquele lugar era maravilhoso.”

Foi daí que ele começou a dar forma ao sonho. Falou com os fiéis e marcou procissões saindo de três igrejas de Planaltina, das quais era pároco antes de ser transferido para o Guará. O ponto final do encontro foi o pé do Morro da Capelinha, onde, em 1973, ocorreu a primeira montagem da via-sacra da região administrativa.

O padre calcula que o evento reuniu cerca de 500 pessoas. “Ensinei para eles que não se trata de fazer apenas a encenação. Requer preparação e é fazer tudo como Deus quer, vivendo a via-sacra.”

Mais de quatro décadas depois, o ensinamento continua sendo passado adiante.

A jovem Andrielly Karolyn da Silva começou a fazer parte do grupo com 1 ano de idade, na Via-Sacra da Criança. O pai, o atual coordenador de transportes, foi quem a levou pela primeira vez. Hoje com 15 anos, ela ressalta que nunca pensou em desistir. “É uma alegria estar aqui. Isso não é brincadeira, mexe com a gente.” (Da Agência Brasília)


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +