Fachin arquiva processo contra Aécio no STF

autor Misto Brasília

Postado em 16/03/2017 15:42:54 - 15:40:00


Senador Aécio Neves/Ag.Senado

O senador de Minas foi delatado por Sérgio Machado por conta de suposto repasse de R$ 4 milhões

O relator da Operação Lava Jato, ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou arquivamento do caso que apurava citações do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado ao presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG).

Fachin deferiu pedido da Procuradoria Geral da República depois de o caso prescrever. O prazo de prescrição para o crime de corrupção passiva é de 16 anos. Portanto, a suposta irregularidade já não pode ser punida desde 2016.

Em delação premiada Sérgio Machado disse que no ano de 1998 foram repassados R$ 4 milhões da campanha de Fernando Henrique Cardoso em recursos ilícitos para eleger maior bancada possível do PSDB. O objetivo era encaminhar a candidatura de Aécio Neves à presidência da Câmara.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +