Mulher entra na justiça para ter direito ao WhatsApp do marido

autor Misto Brasília

Postado em 23/11/2016 16:28:36 - 16:08:00


A justiça tem considerado provas obtidas por meio de rede sociais em seus julgados

O caso ocorreu no Tribunal de Justiça de Santa Catarina

Um caso incomum chegou à 4ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina: um processo de um casal em que a mulher pedia que a Justiça obrigasse o marido a mostrar as mensagens do aplicativo de Whats App.

O caso corre em segredo de justiça por se tratar de violência doméstica. Segundo informações concedidas pelo juiz do caso a um portal de notícias, houve uma discussão seguida de agressões por parte do marido, pois ele estava falando no aplicativo e se recusou a dizer com quem trocava mensagens.

WhatsApp na Justiça

Só para se ter uma ideia, na Itália, o aplicativo é citado em cerca de 40% dos casos de divórcio do país. De acordo com o um relatório de uma associação de advogados matrimoniais do país, as mensagens e áudios trocados no WhatsApp são tidos como evidências de traição. 


 


Ibaneis bate boca com deputados distritais da oposição sobre escolas militares
AO VIVO TV Câmara Legislativa
veja +
Maia vai instalar nesta quarta comissão para discutir novas regras para o saneamento
Deputados cobram desbloqueio de recursos para a educação
Presidente da Cobap, Warley Gonçalves, sugere uso da máquina para reeleição
veja +