PMs condenados por divulgar fake news nas eleições

autor Misto Brasília

Postado em 28/05/2019 19:22:03 - 19:14:00


Sargentos divulgaram um vídeo sobre falsos problemas em urna eletrônica/Arquivo

Sargentos terão que pagar cada um deles um salário mínimo a uma entidade beneficente do DF

Os sargentos da Polícia Militar do Distrito Federal Hércules Alves Viana e Ivomar Vieira Padre foram condenados a pagar um salário mínimo para a Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias (Abrace). A pena aplicada a cada um deles pelo Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal é pela perturbação dos trabalhos eleitorais. 

É os dois militares divulgaram uma fake news no dia 7 de outubro (primeiro turno) sobre um suposto problema na urna de votação, que rapidamente foi compartilhado por várias pessoas. Na linguagem das redes sociais, o vídeo viralizou.

“A urna que deveria estar zerada já veio com a suspeita de ter votos impressos nela”, disse Ivomar. “A situação é um pouco mais grave do que se imagina”, completou Hércules. A ação foi elaborada pelo Ministério Público do DF.


Governador do DF, Ibaneis Rocha, afirma que o TCU é um "tribunal de merda"
AO VIVO TV Euronews
veja +
Câmara conclui MP da Liberdade Econômica e aprova projeto de abuso de autoridade
Ibaneis sobre a avó de Michele Bolsonaro: se quero atendimento mais rápido pago plano de saúde
CCJ do Senado aprova atuação de juizados de violência doméstica
veja +