Policiais do DF acusados de violência contra a mulher ficarão sem armas

autor Misto Brasília

Postado em 22/05/2019 16:55:37 - 16:49:00


Deputada Flávia sugeriu a suspensão do porte a policiais acusados na Lei maria da Penha/Arquivo

Decreto suspendendo o porte deverá ser assinado ainda nesta semana, segundo promessa do governador

Nesta semana deverá ser publicado um decreto do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), que suspende o porte e determina o recolhimento de armas de policiais militares e civis denunciados por violência contra mulheres. O governador fez esta promessa à deputada Flávia Arruda (PR-DF) após receber uma carta que informa que em 26% dos casos de feminicídio foram utilizadas armas de fogo.

A preocupação é também necessária, segundo a deputada, pelo aumento dos crimes de feminicídio. O último dos 14 casos registrados somente neste ano no DF aconteceu nesta semana, com o assassinato de uma servidora da Secretaria da Educação por um policial civil.

Em agosto do ano passado, o Tribunal de Justiça do DF informou que policiais e bombeiros do Distrito Federal, que respondem a processos judiciais no âmbito da Lei Maria da Penha por envolvimento em episódios de violência contra mulher e crimes de feminicídio, passariam a ter acompanhamento de equipes multidisciplinares.

A assessoria não soube informar o número de ocorrências com policiais distritais neste crime, mas a deputada enviou ontem (21) um pedido para as secretarias de Justiça e Segurança do DF. Ela quer saber como estão sendo acompanhados os casos de violência contra a mulher e como estão sendo feitas as medidas protetivas.


Treinamento de incêndio no Congresso Nacional nesta sexta-feira - parte dois
Treinamento de incêndio no Congresso Nacional nesta sexta-feira
veja +
Ibaneis fiz que sem reforma da Previdência DF será prejudicado
Presidente da comissão quer votar reforma da Previdência até fim de junho
Especialistas apontam relação entre gordura trans e aumento de doenças cardiovasculares
veja +