Michel Temer poderá ser preso novamente

autor Misto Brasília

Postado em 08/05/2019 19:57:46 - 19:56:00


A defesa de Michel Temer tem cinco dias para entrar com um agravo/Arquivo

Tribunal Federal do Rio determinou também o fim do habeas corpus do coronel da reserva João Baptista

O ex-presidente Michel Temer teve o habeas corpus revogado e terá que voltar para a cadeia, segundo determinação dos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 2ª. Região (Rio de Janeiro e Espírito Santo). Também foi revogada a liberdade do coronel da reserva da PM de São Paulo João Baptista Filho.

O julgamento foi nesta tarde com a decisão por dois votos e um contra na Primeira Turma Especializada. Os desembargadores julgaram o mérito do habeas corpus que determinou a liberdade dos investigados. A defesa do emedebista terá cinco dias para apresentar embargos de declaração. Não há prazo para o tribunal julgar este tipo de recurso.

No mesmo julgamento, foi mantida a liberdade do ex-ministro Moreira Franco, Maria Rita Fratezi, Carlos Alberto Costa, Carlos Alberto Costa Filho, Vanderlei de Natali e Carlos Alberto Montenegro Galo.

No dia 25 de março, em decisão monocrática, do desembargador Ivan Athié concedeu liminar para que Temer, preso havia quatro dias, fosse solto. O Ministério Público Federal pede a revogação desta decisão.


Governador do DF, Ibaneis Rocha, afirma que o TCU é um "tribunal de merda"
AO VIVO TV Euronews
veja +
Câmara conclui MP da Liberdade Econômica e aprova projeto de abuso de autoridade
Ibaneis sobre a avó de Michele Bolsonaro: se quero atendimento mais rápido pago plano de saúde
CCJ do Senado aprova atuação de juizados de violência doméstica
veja +