Leite avisa que vai recorrer do afastamento da presidência da Caesb

autor Misto Brasília

Postado em 03/04/2019 07:51:23 - 07:48:00


Fernando Leite foi afastado da presidência da Caesb por força de liminar/Arquivo

A defesa alega que a sanção imposta contra ele e que foi a base do seu afastamento já foi extinta

Em nota divulgada ontem à noite, a defesa do presidente da Caesb, Fernando Leite, informou que irá recorrer contra o afastamento da presidência da companhia. A juíza substituta da 5ª Vara de Fazenda Pública, Acácia Regina Soares de Sá, concedeu uma liminar numa ação civil pública protocolada no início de fevereiro pelo Ministério Público do Distrito Federal.

A defesa afirma na nota que a sanção imposta a Fernando Leite por ato de improbidade administrativa se exauriu em abril de 2014, e que o debate é jurídico. “Três anos após a condenação, período em que Fernando Leite não exerceu nenhum cargo público”.

Os advogados observam que o “processo por improbidade, que resultou em condenação, data de 2002, quando Fernando Leite contratou agência para realizar campanha de esclarecimento à população a respeito da qualidade da água consumida no DF, colocada sob suspeita devido a surto de hantavirose. Em face da urgência, não houve tempo hábil para aguardar o fim do processo de licitação”.


AO VIVO TV Câmara Legislativa
Estudantes do Gisno protestam contra a adoção do modelo cívico-militar
veja +
Maia vai instalar nesta quarta comissão para discutir novas regras para o saneamento
Deputados cobram desbloqueio de recursos para a educação
Presidente da Cobap, Warley Gonçalves, sugere uso da máquina para reeleição
veja +