Alimentos pressionam e inflação deve atingir pico em abril

autor Misto Brasília

Postado em 26/03/2019 10:48:28 - 10:44:00


BC diz que cenário econômico depende de reformas e ajustes/Arquivo

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) subiu 0,54% em março

Os preços de alimentos subiram com força e a prévia da inflação oficial registrou em março o patamar mais elevado para o mês em quatro anos, depois de o Banco Central ter alertado que a inflação acumulada em 12 meses deve atingir um pico em torno de abril ou maio.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) subiu 0,54% em março, depois de alta de 0,34% em fevereiro, de acordo com os dados divulgados nesta terça-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O Banco Central antecipou que a inflação acumulada em 12 meses deve atingir um pico em torno de abril ou maio, para depois recuar para patamar abaixo do centro da meta deste ano, mas ressaltou que a consolidação desse “cenário favorável” depende do andamento das reformas e ajustes na economia brasileira.

Em ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) divulgada nesta terça-feira, o BC também jogou mais luz sobre sua leitura para a lenta atividade econômica ao avaliar que os choques sofridos em 2018 produziram impactos cujos efeitos persistem mesmo após cessados seus choques diretos.


AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
Tempestade provoca inundação em Brasília neste domingo
veja +
Governador do Piaui aposta na unificação de pautas entre os estados
Ibaneis anuncia 37 parques nos próximos anos na entrega do Lago Cortado
LDO prevê salário mínimo de R$ 1.040 em 2020, com correção apenas pela inflação
veja +