Moro diz que Ibaneis tem “receio exagerado” sobre chefão do PCC

autor Misto Brasília

Postado em 26/03/2019 07:10:32 - 07:06:00


Ministro Moro contesta obervações do governador do Distrito Federal/Arquivo

Ministro da Justiça minimizou a importância de Camacho na hierarquia de organização criminosa

O ministro da Justiça, Sergio Moro, disse  que há “receio exagerado” do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), a respeito dos riscos do presídio federal existente na região. Após a transferência de Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), e mais três integrantes do grupo para o presídio federal no DF, Ibaneis afirmou que buscaria o fechamento do presídio.

Ouça a entrevista com Ibaneis Rocha sobre esse tema na seção áudio, ao lado

“Acho que há um receio um pouco exagerado porque a liderança criminosa vem para um presídio federal de segurança máxima, onde ela fica em um sistema carcerário muito rígido, sem condições de controlar a atividade criminal fora. Talvez haja uma certa incompreensão da posição dessa pessoa aqui do DF, mas posso assegurar aos moradores que eles estão absolutamente seguros”, disse Moro, após evento em Brasília.

Inaugurada em outubro de 2018, a Penitenciária Federal de Brasília é uma das cinco unidades de segurança máxima federais destinadas a isolar presos condenados e provisórios sujeitos ao Regime Disciplinar Diferenciado, líderes de organizações criminosas e réus colaboradores presos ou que delatores premiados que correm risco de vida no sistema estadual. (Da ABr)


AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
Tempestade provoca inundação em Brasília neste domingo
veja +
Governador do Piaui aposta na unificação de pautas entre os estados
Ibaneis anuncia 37 parques nos próximos anos na entrega do Lago Cortado
LDO prevê salário mínimo de R$ 1.040 em 2020, com correção apenas pela inflação
veja +