Procuradoria em Brasília vai investigar ministro da Educação

autor Misto Brasília

Postado em 20/03/2019 07:41:47 - 07:35:00


Vélez pediu que alunos fossem filmados cantando o Hino Nacional/Arquivo

Ricardo Vélez Rodrigues pode ter cometido improbidade administrativa com a carta enviada às escolas

A Procuradoria da República no Distrito Federal abriu uma investigação para apurar possível improbidade administrativa do ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodrigues, no envio de cartas às escolas de todo Brasil com slogan da campanha do presidente Bolsonaro. A abertura da investigação foi revelada pelo jornal O Globo e confirmada pelo Estadão.

A procuradora regional dos Direitos do Cidadão, Eliana Pires Rocha, pediu esclarecimentos ao ministro em até dez dias úteis. A medida acentua o desgaste de Vélez na Esplanada - indicado pelo escritor Olavo de Carvalho, ele está no centro de uma crise com a ala militar do governo.

Segundo informou o Valor, apesar de ministros de Estado terem direito ao chamado foro oro privilegiado, essa apuração inicial ficará em primeira instância, pois a prerrogativa não é válida para supostos crimes de improbidade.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +