Festival de Berlim tem filme sobre abuso sexual na Igreja

autor Misto Brasília

Postado em 10/02/2019 07:52:12 - 07:47:00


Cena do filme francês Grâce à Dieu (Graças a Deus) em exibição em Berlim/Divulgação

As acusações de acobertamento de delitos de um padre acusado de molestar 80 garotos

Tantos filmes já abordaram o tema do abuso sexual por membros do clero que se questiona o que ainda é possível acrescentar. No entanto, o cineasta veterano François Ozon sentiu a necessidade de abordar o mais importante caso de abuso infantil na Igreja Católica na França, até hoje, criando uma obra autêntica que também reflete sua sofisticação como diretor.

Grâce à Dieu  (Graças a Deus) estreou na quinta-feira (07) no Festival Internacional de Cinema de Berlim (Berlinale), apenas algumas semanas antes da divulgação de uma importante decisão jurídica relacionada ao caso. O filme ficcionado está inevitavelmente associado ao escândalo de abuso.

As acusações envolvem membros da Igreja que acobertaram os delitos de um padre acusado de molestar sexualmente pelo menos 80 garotos. O arcebispo de Lyon, cardeal Philippe Barbarin, um colaborador voluntário da diocese e cinco outros membros da hierarquia católica foram indiciados por ocultação de abuso sexual de menores e omissão de assistência.

Haverá um julgamento separado do padre acusado, Bernard Preynat, que está sob supervisão judicial por agressão sexual desde seu indiciamento, em 2016, mas a data ainda não foi fixada. (Da DW)


AO VIVO TV Brasil
Derrubada de árvore que provocou uma ação popular de R$ 50 milhões
veja +
LDO prevê salário mínimo de R$ 1.040 em 2020, com correção apenas pela inflação
Enfermagem pede lei que garanta jornada de 30 horas semanais
Senado quer explicação de ministro sobre vídeo favorável ao golpe militar
veja +