Governo libera a venda da Embraer e PDT entra na justiça

autor Misto Brasília

Postado em 11/01/2019 07:09:46 - 07:04:00


Partido da oposição entrou com uma ação civil contra a fusão da Boeing e Embraer/Arquivo

Em declaração no Twitter, Bolsonaro disse que a soberania e os interesses da nação estão preservados

O presidente Jair Bolsonaro disse em sua conta no Twitter que a União não se opõe ao andamento do processo de fusão entre Boeing e Embraer, após participar de reuniões com ministros para avaliar o acordo entre as duas fabricantes de aeronaves.

"Reunião com representantes da Defesa, da Ciência e Tecnologia, Relações Exteriores e Economia sobre as tratativas entre Embraer (privatizada desde 1994) e Boeing. Ficou claro que a soberania e os interesses da nação estão preservados. A União não se opõe ao andamento do processo", escreveu o presidente.

Já o PDT deu entrada com uma ação civil pública na Justiça de Brasília para suspender a venda do controle da divisão comercial da Embraer para a Boeing, citando risco à soberania nacional.

O partido cita "temeridade de ser passar toda a tecnologia de empresa estratégica brasileira para estrangeiros sem a participação do Congresso Nacional – que durante o processo de privatização previu exatamente que a União teria total controle sobre esse tipo de transação – da qual agora abriria mão".


Treinamento de incêndio no Congresso Nacional nesta sexta-feira - parte dois
Treinamento de incêndio no Congresso Nacional nesta sexta-feira
veja +
Ibaneis fiz que sem reforma da Previdência DF será prejudicado
Presidente da comissão quer votar reforma da Previdência até fim de junho
Especialistas apontam relação entre gordura trans e aumento de doenças cardiovasculares
veja +