Integrante da “Máfia dos Gafanhotos” é preso em Brasília

autor Misto Brasília

Postado em 06/12/2018 19:56:43 - 19:49:00


Aristides foi preso hoje após estar foragido de condenação no Rio Grande do Norte/Facebook

Ex-secretário do Rio Grande do Norte tinha sido condenado, mas era considerado foragido da justiça

Aristides Siqueira Neto foi preso na tarde desta quinta-feira (05), em Brasília, após uma denúncia anônima. Ele era considerado foragido por prática de crime de peculato na chamada “Máfia dos Gafanhotos”, quando exercia o cargo de secretário de Estado do Rio Grande do Norte.

Segundo informou o Ministério Público do Distrito Federal que atuou em conjunto com o MP potiguar, ele foi como auxiliar do vice-governador e depois governador Fernando Antônio da Câmara Freire. Os envolvidos desviaram dinheiro público para a concessão fraudulenta de gratificações.

Em abril de 2014, Fernando e Aristides foram condenados a 6 anos e 6 meses de reclusão pelo crime de peculato (subtração ou desvio de dinheiro público). O MPRN apelou da decisão e, em 2016, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte determinou a ampliação da pena dos dois para 7 anos e 9 meses.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +