Arruda terá que devolver R$ 64 milhões na Caixa de Pandora

autor Misto Brasília

Postado em 06/12/2018 18:35:34 - 18:31:00


Valor a ser ressarcido ao erário público por Arruda foi corrigido pelo TJDF/Arquivo

Valor da reparação foi alterado pelos desembargadores da 6ª. Turma Cível do Tribunal de Justiça

A pena contra o ex-governador José Roberto Arruda (PR) no âmbito da Operação Caixa de Pandora aumentou quanto à reparação ao erário público de R$ 11.855.851,40 para R$ 64.043.823,82. A decisão é da 6ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal atendendo a um recurso do Ministério Público do DF. O primeiro valor foi aplicado pela justiça da primeira instância.

O valor será pago por Arruda e outros quatro réus (José Geraldo Maciel, Gilberto Lucena, Luiz Paulo da Costa Sampaio, Durval Barbosa) condenados por irregularidades em contratos de prestação de serviços de informática prestados pela empresa Linknet ao Distrito Federal.

O desembargador relator levou em conta uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do DF e o valor encontrado pelo Ministério Público que levou em conta “a real extensão do dano” ao que foi considerado superfaturamento entre janeiro/2007 e junho/2009.


Misto Brasília apresenta novo layout e programação
AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
veja +
Acordo permite votação de PEC sobre arrendamento de terras indígenas na terça-feira
Maia defende compromisso do Parlamento com preservação ambiental
Governadores Ibaneis Rocha (DF) e Ronaldo Caiado (GO) firmam parceria na área de transporte
veja +