Civil do DF terá câmera que acelera impressões digitais

autor Misto Brasília

Postado em 19/11/2018 10:29:16 - 10:21:00


Instituto de Identificação do DF tem uma estrutura superior a média brasileira/Arquivo

Novos equipamentos permitem a perícia em carros, motos e lonas e com maior rapidez

O Instituto de Identificação da Polícia Civil do Distrito Federal passa a ter um novo aliado a partir desta semana na identificação de digitais. É a primeira Câmara de Fumigação de Cianoacrilato da América Latina, que eleva em até quatro vezes o número de impressões digitais reveladas quando comparada com a técnica do “empoamento”.

Além disso, a câmara automatizada permite o controle da umidade, temperatura e tempo de exposição, fatores determinantes para o sucesso na revelação de impressões. E por ser de grande dimensão, permite a perícia em carros, motos e lonas, por exemplo. É possível processar, de uma única vez e em apenas um dia, todos os objetos de superfícies não porosas recolhidos em perícias realizadas no DF.

Outra novidade são as duas Câmaras Triplas Multifuncionais, utilizadas para a aplicação de reveladores e para a aceleração de processos que demandam controle de altas temperaturas e umidade.

Os equipamentos serão apresentados hoje à tarde. Segundo o diretor do Instituto de Identificação, Arnaldo Fontenele, a modernização do laboratório é fundamental para a atividade de perícia, segundo informou a assessoria da PCDF.