Papa declara santos Paulo Sexto e arcebispo Romero

autor Misto Brasília

Postado em 14/10/2018 07:39:30 - 07:32:00


Oscar Romero virou santo assim como o papa Paulo VI neste domingo/Fotomontagem/DW

Romero, que foi assassinado, e o papa que liderou o Concílio, foram figuras contestadas

Dezenas de milhares de fiéis se reuniram na Praça de São Pedro neste domingo (14) para assistir à cerimônia em que o papa Francisco declarou santos o arcebispo salvadorenho Óscar Romero e o papa Paulo 6º , juntamente com cinco outras pessoas menos conhecidas nascidas na Itália, Alemanha e Espanha nos séculos 18 e 19. 

Tanto Romero, assassinado por um tiro em pleno altar enquanto realizava uma missa em 1980, e Paulo Sexto, que liderou a Igreja nos momentos de encerramento do Concílio Vaticano 2º, foram figuras discutidas e contestadas tanto dentro como fora da Igreja.

Em sua terra natal, El Salvador, Romero é reverenciado há muito tempo como herói nacional e defensor da paz e da justiça. Seu túmulo na catedral de San Salvador é para muitos um local de peregrinação. E já na beatificação o presidente de El Salvador, Salvador Sánchez Cerén, deixou claro: "A América Latina finalmente tem um santo! Oxalá seu exemplo possa contribuir para mudanças no país!" (Da DW)


Orquestra de Brasília e o Coral 10 interpretam Cio da Terra
Governador do Pará diz que contas dos estados passarão por pente-fino
veja +
Proposta reserva vagas de instituições de ensino para pessoas com deficiência
Câmara analisa propostas para deduzir do IR despesas com remédios, óculos e próteses
Ibaneis disse que vai "colaborar" para a aprovação da reforma previdenciária
veja +