Ex-governador de Goiás Marconi Perillo deverá ser solto

autor Misto Brasília

Postado em 11/10/2018 15:32:51 - 15:30:00


Perillo é acusado de receber ilegalmente R$ 12 milhões através de propina/Arquivo

Ele foi preso ontem quando prestava depoimento na superintendência da Polícia Federal

O desembargador Olindo Menezes, da 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, concedeu habeas corpus determinando a soltura do ex-governador Marconi Perilo. Ele foi preso ontem (10), quando prestava depoimento na Superintendência da Polícia Federal em Goiás.

Ex-governador e ex-senador, Perillo foi denunciado na Operação Cash Delivery por suspeita de envolvimento no pagamento de propina a servidores públicos do estado, lavagem de dinheiro e associação criminosa. Segundo delações de executivos da construtora Odebrecht, o político recebeu cerca de R$ 12 milhões em recursos ilegais entre 2010 e 2014 para favorecer a empresa em contratos, informou a Agência Brasil..

Ontem a defesa criticou a prisão preventiva, dizendo que era igual a uma decisão que foi revogada pelo Tribunal Federal Regional da 1ª Região (TR 1).


Temporal provoca estragos na Lagoa da Conceição, em Florianópolis
Rollemberg diz que Ibaneis mostra preconceito ao sugerir fechar a orla do Lago
veja +
Proposta reserva vagas de instituições de ensino para pessoas com deficiência
Câmara analisa propostas para deduzir do IR despesas com remédios, óculos e próteses
Ibaneis disse que vai "colaborar" para a aprovação da reforma previdenciária
veja +