Ambulância quebra no jogo do Vasco e Flamengo

autor Misto Brasília

Postado em 16/09/2018 10:12:39 - 10:10:00


Juiz convocou os jogadores do Vasco e do Flamengo para empurrar a ambulência/Reprodução/Twitter

Rollemberg disse nesta manhã que o veículo não é do governo para evitar exploração política

Preocupado com a repercussão política do constrangimento da ambulância que pifou no jogo do Vasco e Flamengo, ontem à noite em Brasília, o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) disse nesta manhã de domingo que o veículo pertence a uma empresa privada. A partida terminou empatada em 1 a 1 no Estádio Nacional Mané Garrincha.

“A ambulância que não funcionou no jogo Vasco x Flamengo é privada, de uma empresa contratada pela organização do jogo. Não tem nada com o Governo de Brasília. Recebi algumas mensagens sobre o assunto. Sempre é bom esclarecer”, disse ele.

A ambulância foi chamada para o campo quando na metade final do segundo tempo, o volante vascaíno Bruno Silva se chocou com o companheiro de equipe Luiz Gustavo e caiu desacordado. Após receber atendimento médico no gramado, Bruno foi encaminhado para fora do campo, mas com um problema: a ambulância que transportava o atleta não arrancou e os jogadores dos dois times precisaram se unir para empurrar.


General nega que Michele Bolsonaro mandou tirar obras sacras do Alvorada
Incêndio atinge a Refinaria de Manguinhos (RJ)
veja +
Governador eleito do DF Ibaneis Rocha diz que não tem nenhum tipo de surpresa
Congresso deve votar Orçamento de 2019 nesta semana
Aprovado orçamento de 2019 com reajuste para agentes comunitários
veja +